Bicicleta: recursos naturais

brasil olimpico

Nos últimos tempos, os recursos naturais estão dando fortes sinais de escassez. Falta de água em várias partes do país e os famosos “apagões”, que são quedas na energia elétrica de uma grande parte da população de uma cidade ou região, têm sido cada vez mais comuns. Caso você não tenha acesso a um profissional você pode encontrar um eletricista no bicos. Por isso, algumas medidas são importantes para poupar, não só energia e água, mas dinheiro também.

Uma das dicas mais importantes na hora de economizar energia elétrica é saber quais são os aparelhos eletrônicos que mais consomem e como é feito o cálculo da conta de luz. Essa é a maneira mais eficaz de detectar possíveis erros nas contas, sabotagens (os chamados “gatos”) ou ainda uso desconhecido (por filhos, familiares).

recursos natura

Mas como descobrir o consumo de um aparelho?

Normalmente os aparelhos eletrônicos possuem uma indicação de potência, por exemplo 1000watts ou 1000W.

Caso você tenha um aparelho que consuma 1000W ou 1kW, e ele ficar ligado durante uma hora, você terá um consumo de 1kWh. Assim, se durante 30 dias do mês ele ficar ligado durante duas horas, você terá um consumo de 1kW vezes 30 dias vezes 2 horas = 60kWh.

Se ele ficar ligado 20 dias, 2 horas por dia terá um consumo de 40kWh. Pois basta multiplicar o consumo diário pelo número de dias ligados no mês.

Entre os aparelhos que têm em média 1kW estão o ar-condicionado de 7.500 btu, um cortador de grama grande, um ferro elétrico automático e uma fritadeira elétrica.

E como saber quanto isso vai custar na minha conta?

Em todas as contas de luz existem um valor chamado de kilowatt-hora, que, para residências, é de aproximadamente R$0,30. Assim, para calcular quanto pagará pelo consumo, multiplique o valor mensal por esse valor.

Exemplo: 60kwh vezes 0,30 = R$ 18,00

Portanto, este aparelho consome R$ 18,00 se ficar em uso por 30 dias, 2 horas por dia.

Lembre-se que esse valor de consumo é para quando o aparelho está ligado. Aparelhos na tomada, porém desligados, consomem uma minúscula quantia de energia, mas também consomem.

Saber fazer os cálculos pode ajudar, mas não resolve todos os seus problemas. Caso exista algum defeito que desperdice energia elétrica, ou até o uso clandestino, a melhor solução vai estar nas mãos de um profissional experiente. Para encontrar os melhores eletricistas da sua região dê um basta no desperdício!

Na plataforma você pode filtrar sua busca por especialidades e ainda ver a avaliação de quem já contratou os serviços de cada profissional. Você também pode baixar o aplicativo e fazer tudo isso usando apenas o celular.

Prêmio Brasil Olímpico

brasil olimpico

O prêmio Brasil Olímpico seleciona atletas de diversas modalidades, indicando os nomes que mais se destacaram. O legal do prêmio, é que os representantes de esportes menos tradicionais/populares, ganham chance e se tornam protagonistas. Por exemplo, em 2014, na 16ª edição da premiação, os grandes destaques foram: Arthur Zanetti, campeão olímpico nas argolas (venceu a categoria masculina), a dupla Martine Grael e Kahena Kunze, da vela (venceram na categoria feminina).

Outra premiada foi a ginasta, Flávia Saraiva, que ganhou o prêmio “Atleta da Torcida”. Nessa categoria, o COB selecionou esportistas que marcaram o esporte nacional, seja por performance, superação, conquistas inéditas ou conduta esportiva. Depois disso o voto passa a ser público, onde qualquer um poderia votar através das mídias sociais.

Vídeo do youtube

A bicicleta na sua casa

bicicleta casa

Nada pior do que ter alguma coisa em casa sem funcionar, não é? Televisão quebrada, chuveiro que não esquenta, torneira pingando, porta rangendo, parede cheia de umidade. Pior que isso tudo só mesmo a tentativa frustrada de consertar alguma dessas coisas.  Nessas horas, parece que todo mundo desaparece. Nenhum amigo pode ajudar ou sabe como resolver seus problemas. Por isso, ninguém melhor do que o verdadeiro profissional para acabar com o sofrimento e deixar tudo novo em folha, por um preço justo e sem grandes dores de cabeça.

E é no Bicos Online que você encontra essa mão amiga que tanto precisa. Por meio de um cadastro simples, é possível ter acesso a uma série de profissionais, como chaveiro, eletricista, encanador, pintor, marceneiro, jardineiro e pedreiro. Para não ter nenhuma surpresa desagradável, você pode acompanhar a opinião de outras pessoas que contrataram os serviços de cada um desses profissionais. O Guilherme Rios, por exemplo, precisava de uma diarista e encanador e não conhecia nenhum. Depois de entrar no Bicos Online, ele disse que contratou um ótimo profissional. “Gostei muito, vou usar sempre”, disse, em depoimento.

bicicleta casa

Depois de acabar com aquele mau contato no aparelho de som e de resolver aquela goteira, nada como dar uma festa para comemorar. Mas calma que isso não vai te dar trabalho nenhum. Na plataforma, na aba de Festas,  é possível contratar serviços de churrasqueiro, DJ, garçom e barman. Chame também um cabeleireiro e uma manicure para dar aquela melhorada no visual e aproveite a casa novinha em folha com aqueles seus amigos que andaram meio sumidos!

E se depois da comemoração não sobrar ninguém para te ajudar na limpeza, no Bicos Online você encontra as melhores diaristas e ajudantes de serviços gerais. Não perca mais tempo, cadastre-se gratuitamente e comece agora a procurar pelos melhores profissionais do mercado.

Esportes + Bicicletas

O momento em que você aprende a andar de bicicleta, fica marcado na memória pelo resto da vida. Quem não se lembra da primeira vez que tirou as “rodinhas” e saiu pedalando por ai?  Foi aí que você passou a entender famosa expressão: “é que nem aprender a andar de bicicleta, a gente nunca esquece”.

esporte bilicleta bike

Bom, a gente não esqueceu da sensação de liberdade que as magrelas nos proporcionam, por isso, esse site é dedicado aos esportes, mais especificamente, os que envolvem bikes. É claro que também vamos falar de outros assuntos como a importância das duas rodas como meio de transporte, assunto que vem crescendo bastante, sendo discutido nas principais metrópoles e cidades com trânsito excessivo. Vamos debater e trazer os pontos mais importantes sobre as bicicletas.

Os esportes com bicicleta vem ganhando força em todo o mundo. Modalidades como o bicicross e o downhill conquistam cada vez mais fãs de esportes radicais, inclusive com atletas brasileiros. Além disso, existem também as provas mais tradicionais, como o “tour de France”, “Giro D’Italia” e “Vuelta a España” que são muito famosas e muito prestigiadas em outros países, mas ainda são muito pouco conhecidas por aqui.

O Brasil chegou inclusive a virar sede de duas etapas do L’Étepe du Tuor, o evento para amadores da maior prova de ciclismo do mundo, o Tour de France. A primeira acontecerá em Cunha (SP), no dia 25 de outubro, com até 3.000 participantes e a outra em Recife (PE), no mês de março. Essas cidades foram escolhidas por questões geográficas, políticas e pelo número de moradores com bicicleta. A versão para “amadores” foi inventada em 1993, após uma demanda cada vez maior de ciclistas que gostariam de participar do Tour de France, restrita aos 200 melhores atletas do mundo.

Transito nas cidades

transito cidade

transito cidade

O trânsito nas cidades é um dos grandes problemas de mobilidade em todo o mundo. Com o aumento de concentração da população nos meios urbanos, esse caos tende a aumentar, sendo que a maior fábrica do mundo produz cerca de um carro a cada dez segundos.

A principal arma contra os engarrafamentos são as bicicletas. Grandes cidades ao redor do globo tem investido bastante em ciclovias. Elas combatem a emissão de gases e a poluição sonora, além de ocupar poucos espaços e uma opção mais saudável. Por todos esses motivos, o movimento das duas rodas vem entrando cada vez mais em pauta, ganhando mais espaço nas ruas de metrópoles.

Veja o vídeo em:

https://www.youtube.com/watch?v=iICYnQQg_JY

Sobre Bicicletas

A bicicleta foi inventada no século 19 na Europa, sendo que desde então ela teve um impacto histórico e cultural inestimável no mundo todo, revolucionando não só a tecnologia e o transporte como também aspectos sociais e recreativos do ser humano.

Durante muitas décadas a bicicleta foi usada como brinquedo para criança, uso policial e militar, pelos correios, para exercícios físicos e competições esportivas, sendo que em muitos locais do mundo ainda é o veículo e meio de transporte predominante. Na verdade de acordo com um levantamento feito em 2003 mais de um bilhão de bicicletas haviam sido construídas mundialmente até o momento, um número maior do que o dobro de carros existente até então.

Desde a sua criação em 1885 o veículo passou por diversas mudanças no seu design e estilo, se adequando a novas tecnologias e localidades. Uma evolução com mais de 20 anos levou a criação da bicicleta como conhecemos, com diversos inventores de partes diferentes do mundo criando e mudando modelos para se adequar aos seus estilos e aos avanços feitos pela tecnologia do mundo, incorporando novos matérias e designs que valorizavam a velocidade, peso e ergometria dos veículos.

Na verdade as bicicletas foram tão inovadoras em seus sistemas de transporte que são as responsáveis pela criação e melhoria de diversas peças essenciais dos automóveis, como pneus verdadeiramente pneumáticos e rodas com aros internos.

Apesar disso parece constante existir uma competição entre ciclistas e motoristas de carros, fazendo com que ambos disputem espaço nas ruas. Com o passar dos anos diversos países da Europa tem incentivado o uso de bicicletas como um meio de transporte alternativo, principalmente nas áreas mais antigas ou de grande transito como os centros de suas cidades. Recentemente o Brasil tem aderido cada vez mais a essa tendência com as ciclovias, faixas destinadas a bicicletas, indo além das cidades costeiras e marcando presença em grandes metrópoles como São Paulo.